A terapia ocupacional atua no tratamento das patologias por meio de especialidades terapêuticas, que promovem a reabilitação dos pacientes com comprometimento de suas capacidades funcionais, de aprendizagem, com perdas físicas, mentais e sociais que causam desajuste pessoal.

O tratamento emprega atividades de trabalho e lazer para promover a melhora e reabilitação dos pacientes com distúrbios físicos, mentais e com desajustes emocionais ou sociais, visando promover autonomia, com reintegração e readaptação ao meio social, despertando a autoconfiança. Sobretudo, a terapia ocupacional identifica as dificuldades de socialização e realização das atividades cotidianas e problemas que interfiram no bem-estar e qualidade de vida ao desempenhá-las.